Busca  
  Sociedade   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

Economia: Pesquisa explica dinâmica do mercado

Peter Diamond
A Real Academia Sueca de Ciências reconheceu o trabalho dos professores norte-americanos Peter Diamond e Dale Mortensen e do cipriota Christopher Pissarides oferecendo-lhes o Nobel de Economia por desenvolveram um interessante quadro teórico para analisar como as políticas e as normas regulatórias econômicas influenciam no desemprego, na geração de vagas e nos salários. O trio de estudiosos revelou como, em um mercado de trabalho inflado, ainda é possível a existência de tantos desempregados.

Dale L. Mortensen
Segundo Diamond, que esteve focado nos fundamentos dos chamados search markets (mercados de busca), o tempo e os recursos econômicos envolvidos na procura de uma empresa por um novo funcionário e, por outro lado, na busca de um trabalhador por uma vaga em uma empresa, são custos que criam fricções e que podem explicar o porquê de muitos continuarem desempregados mesmo quando há disponibilidade de postos de trabalho.

Christopher Pissarides
Mortesem e Pissarides, por sua vez, ampliaram a teoria de Diamond e estudaram como o oferecimento de benefícios aos desempregados e a existência de um mercado de trabalho pouco flexível podem contribuir para o aumento do tempo de procura por uma vaga e para o crescimento das taxas de desemprego.

Após a crise econômica iniciada em 2008, o comitê que avalia os trabalhos optou por premiar pesquisas que ajudam a entender e a combater o desemprego, que alcançou taxas elevadas em muitos países desenvolvidos.

O modelo matemático desenvolvido pelos pesquisadores, denominado de DPM Model, foi visto como um instrumento valioso para a busca do equilíbrio e da adequação entre oferta e demanda no mercado de trabalho, podendo, inclusive, ser estendido para outros setores, como o mercado imobiliário e a economia pública.



Anterior Início Próxima