Busca  
  Ecologia e Meio Ambiente   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Atividades de impacto


Pablo Scapinachis / Shutterstock

Como dito anteriormente, todas as atividades humanas causam impacto no ambiente. Entre as atividades que causam mais impactos, podemos dividi-las em três categorias:

Atividades
energético-mineradoras


São as construções que envolvem produção de energia e extração de matéria-prima (mineração). Essas atividades produzem impacto intenso no meio ambiente e também afetam os moradores de seu entorno. Mineradoras apresentam alto impacto, mas geralmente ele é pontual, ou seja, apenas uma determinada região é perturbada. Já hidrelétricas, por exemplo, afetam regiões maiores devido à interferência em cursos d’água. Essas atividades também geram subprodutos que podem ser nocivos ao ambiente; caso do garimpo de ouro, que utiliza Mercúrio, substância altamente tóxica.

Atividades industriais-urbanas

Neste caso são compreendidas desde as grandes indústrias até as pequenas obras e as frotas de carro. O tamanho do impacto varia muito, de acordo com a magnitude da atividade. Geralmente, por ocorrerem em centros urbanos, a população humana é mais afetada do que os ecossistemas em si. No entanto, o estudo de impacto ambiental antes da instalação de alguma obra no centro urbano ainda é requisitado, principalmente pelos produtos dessas atividades, que podem atingir ecossistemas fora da região urbana. É o caso dos dejetos descartados em rios e da emissão de gases poluentes no ar.

Atividades agropecuárias

São as atividades de cultivo e de criação de gado e outros animais. Como precisam desmatar largas porções de terra para plantio ou pasto, apresentam um intenso impacto ambiental. Também são caracterizadas impactantes devido ao uso de produtos nocivos no ambiente, como os agrotóxicos.


Anterior Início Próxima