Busca  
  Arte   
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.  

A unificação do império

A Grande Esfinge de Gizé

A
civilização Egípcia se desenvolveu no Nordeste da África, numa região desértica, banhada pelo Rio Nilo, há mais de 3.200 anos antes de Cristo. Com a unificação dos povos egípcios do Norte e do Sul, fundou-se um único império. A história desse império pode ser dividida em três fases: Antigo, Médio e Novo Império.

O conto do nascimento do Egito

Para explicar a origem e a função dos deuses na criação do Egito, conta a lenda que, nos primeiros tempos, Set (deus vento) assassinou Osíris (Sol poente, o Nilo, deus da vegetação e das sementes) e lançou o corpo ao rio. Ísis (deusa da vegetação) conseguiu encontrar o corpo, mas Set voltou a atacar Osíris e dividiu-lhe o corpo em pedaços, espalhados pelo Egito. Ísis usou sua magia para tornar a unir os pedaços com a ajuda do deus falcão, Hórus (Sol nascente).

Esse conto explica os altos e baixos da vida do povo Egípcio, totalmente dependente do Nilo, fazendo um paralelo com a imortalidade dos deuses e sua importância para o ciclo da natureza. Todos os anos viam as plantações desaparecerem afogadas pelo rio. E depois das cheias, eram presenteados com um solo muito mais fértil e preparado para o plantio.



Anterior Início Próxima