Busca  
  Química   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Equações do gás ideal

Equação geral do gás ideal

Como consequência das leis de Boyle e de Charles e Gay-Lussac, podemos escrever a equação geral do gás ideal:

ou

Note que a equação aplica-se a uma transformação sofrida por uma quantidade fixa de gás, portanto, por um número de mol fixo.

Equação de estado do gás ideal

Se a quantidade do gás for igual a 1 mol, a constante k da equação geral do gás ideal é representada pela letra R e é chamada constante universal do gás ideal.

1 mol de gás
A equação de estado aplica-se a um determinado estado do gás e relaciona P, V, T à quantidade de mol (n) do gás. Como consequência da hipótese de Avogadro, o volume ocupado por n mol de gás é igual a n vezes o volume ocupado por 1 mol de gás, na mesma P e T.

n mol de gás

A quantidade do gás é dada pela razão entre sua massa (m) e sua massa molar (M):


O valor de R depende das unidades variáveis de estado:

R = 0,082 atm.L.mol-1.K-1
R = 62,3 mmHg.L.mol-1.K-1



Anterior Início Próxima