Busca  
  Idade Moderna   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

O mercantilismo

Kostyantyn Ivanishen / Shutterstock
A busca por riquezas deixou o mar mediterrâneo e teve como principal caminho o oceano. Os europeus, após muitos estudos, dominaram os mares


O período no qual o mercantilismo se situou foi um período único. Durante os séculos XV até XVIII, a Europa passou por um período de transição, deixou-se de lado os particularismos feudais e formou-se os Estados nacionais.

Nesse momento, a economia passou por uma reorganização.

Assim como em todo período de transição, guardava em si uma mistura de ideais, alguns feudais e outros modernos.

Essas novas teorias e práticas de intervenção econômica foram denominadas, posteriormente, de mercantilismo ou sistema mercantilista.

As principais características do mercantilismo eram:


- Bulionismo ou metalismo: A riqueza de uma país era medida por meio da quantidade de reservas de metais preciosos que ele possuía.

- Intervencionismo estatal: O Estado, para garantir a prosperidade, intervinha com diversas políticas para facilitar o fortalecimento econômico e, consequentemente, o acúmulo de metais preciosos. Dentre elas destacam-se o protecionismo alfandegário e o industrialismo. Enfim, o Estado Moderno regulava e era responsável por todo o comércio exterior.






Anterior Início Próxima