Busca  
  Genética e evolução   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

A Segunda Lei de Mendel ou Lei da Segregação Independente

Os fatores hereditários, independentemente da quantidade, separam-se e combinam-se ao acaso nos gametas, o que quer dizer que essas características são independentes uma da outra. Por exemplo, um indivíduo VvRr separa seus alelos em V, v, R e r. Esses alelos se combinam nos gametas, produzindo as seguintes combinações: VR, Vr, vR e vr. Esse é o princípio da Segunda Lei de Mendel, ou a Lei da Segregação Independente.

À medida que a Primeira Lei de Mendel trata sobre o monoibridismo, quer dizer, estuda apenas uma característica isolada, a Segunda Lei de Mendel está relacionada ao poli-hibridismo, ou seja, o estudo simultâneo de mais de uma característica.

photofun/Shutterstock
As drosófilas são amplamente utilizadas em estudos genéticos
Poli-hibridismo

Assim como no monoibridismo, existem outros seres vivos em quais é possível estudar o poli-hibridismo, como nas drosófilas, conhecidas como moscas-da-fruta. As características asas longas e corpo cinza são dominantes, ao passo que asas curtas e corpo preto são recessivas.




Asa longa - corpo cinza (PPVV) x asa curta - corpo preto (ppvv)


PV
PV
pv
PpVv
PpVv
pv
PpVvPpVv
Geração F1


Asa longa - corpo cinza (PpVv) x Asa longa - corpo cinza (PpVv)


PV
Pv
pV
pv
PV
PPVV
PPVv
PpVV
PpVv
Pv
PPVv
PPvv
PpVv
Ppvv
pV
PpVV
PpVv
ppVV
ppVv
pv
PpVv
Ppvv
ppVv
ppvv
Geração F2


Asa longa - corpo cinza – PPVV, PPVv, PpVv, PpVV;

Asa curta - corpo cinza – Ppvv, PPvv;

Asa longa - corpo preto
– ppVV, ppVv;

Asa curta - corpo preto
– ppvv.




Anterior Início