Busca  
  Arte   
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.  

Museus estrangeiros

Exposições virtuais, textos, contato com obras de todas as partes do mundo. Algumas vezes, visitar o site de um museu pode ser o início de uma surpreendente viagem virtual pela arte.


Centre Pompidou

 

O site do museu Centre Pompidou (Paris, França) é parada obrigatória para os navegantes dos grandes museus do mundo: no site é possível encontrar mapas detalhados e informativos de cada exposição oferecendo uma 'amostra grátis' das obras expostas e dos projetos da instituição.

 


 
Guggenheim Museum


Além de navegar pelos sites dos museus Guggenheim com sedes em Veneza, Nova York, Berlim e Bilbao, você pode acessar o Guggenheim Virtual Museum, que oferece informações para o usuário sobre projetos de exposição e eventos transpostos para a internet.




Louvre

 
Que tal um tour virtual por um dos mais importantes museus do mundo? Fundado no século 18, em 1791, após a Revolução Francesa, o museu está localizado no coração de Paris, passando por grandes modificações - o que era uma fortaleza escura ganhou novas estruturas e ambientações contemporâneas, ganhando também um portal de navegação.

O site do Louvre permite que o visitante passeie por todas as suas galerias: composta por cerca de 35 mil obras, entre as quais encontramos antiguidades orientais, antiguidades egípcias, arte grega, etrusca e romana, galeria de esculturas, galeria de pintura e desenho, e arte medieval, todas expostas em ambientes temáticos.



Museum of Modern Art


Uma visita ao site do Museu de Arte Moderna de Nova York é um meio interessante e divertido de conhecer as principais coleções da instituição: arquitetura e design, desenhos, vídeos e filmes, pinturas e esculturas, fotografia e ilustração. Não deixe de conhecer os projetos online, onde o usuário pode interagir com obras famosas num espaço repleto de salas e instalações, todas adaptadas e ambientadas para o maior contato possível com o espectador.



Museé d'Orsay

 

É famoso pelo acervo de pinturas impressionistas e pós-impressionistas que compõe sua vasta coleção: obras de artistas como Manet, Degas, Van Gogh, Cézanne, Renoir, entre muitos outros. O Museu d'Orsay oferece ao usuário uma pequena amostra de sua extensa coleção dando ao visitante virtual um ótimo panorama do ambiente. Conheça também, através do site, apresentações de técnicas usadas pelos vários artistas. E para as crianças e educadores, o portal oferece atividades criadas pela 'Equipe de Educação Provider' com o objetivo de ampliar o contato do jovem com as obras-primas e com o ambiente do museu.



Metropolitan Museum of Art

Sendo um dos melhores sites para visitação, completo e de fácil navegação, o Metropolitan (MMoA) contém em seu acervo uma rica gama com mais de 130.00 obras, entre imagens, arquivos de pesquisas e peças de todas as partes do mundo, da Antiguidade aos dias atuais; entre elas está uma mega exposição de Pablo Picasso com imagens e vídeos –, o visitante pode acessar uma interessante linha do tempo da história da arte mundial, toda interativa. O Met (MMoA) separou para as crianças um espaço interativo especial – como jogos educativos, palestras sobre história e história da arte.

Faça uma viagem virtual em 3D

Os museus do século 18 não eram espaços para a grande maioria da população, patente da elite. Somente depois das reformas iluministas (pensamento no qual o racional substituiu as crenças religiosas) os museus passaram a ser instituições abertas ao público em geral.
O primeiro museu aberto ao povo foi o Museu Britânico (Londres, Inglaterra) em 1759.


Saiba mais!

Guia de museus

Enciclopédia de Arte (Artcyclopedia)



Anterior Início