Busca  
  Ciências Naturais   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Lagartos: vida passada

Sabe aquela lagartixa que de vez em quando aparece na parede da cozinha? E a iguana, aquele bicho simpático que muita gente leva por aí no ombro? E ainda aquele camaleão que muda de cor a toda hora? Sabe o que eles têm em comum? São todos lagartos.

Pecilo... o quê?

Este simpático lagartinho é encontrado no deserto da Namíbia
Eles gostam de ficar espichados ao sol. Mas, se o calor é demais, uma sombrinha também é bem-vinda. Até hoje,os cientistas já identificaram mais de 3 mil espécies de lagartos.

Eles estão espalhados por várias partes do mundo, mas têm certa 'quedinha' por lugares quentes. Isso porque – como todos os répteis – os lagartos são animais pecilotérmicos, ou, como são mais conhecidos, de sangue frio. Para manter a temperatura do corpo eles precisam se aquecer com a ajuda dos raios solares. As poucas espécies que vivem em lugares com inverno muito frio precisam hibernar. De preferência em uma toca bem quentinha embaixo da terra.

No céu, na terra e na água

O Gila monster é um dos únicos lagartos venenosos do mundo. É encontrado no Sudoeste dos Estados Unidos
A locomoção dos lagartos é uma das coisas que mais chamam a atenção dos pesquisadores. A maioria se locomove por terra – alguns atingindo velocidades incríveis –, mas também existem aqueles que preferem outras maneiras. Alguns lagartos gigantes da Indonésia costumam nadar entre uma ilha e outra.

Os dragões-voadores, encontrados no sudeste da Ásia, são capazes de saltar de uma árvore para outra como os esquilos voadores. Mesmo os que andam apenas no solo gostam de surpreender: o lagarto conhecido como geco, assim como as lagartixas, caminha de cabeça para baixo em tetos, telhados e até mesmo em vidraças. O lagarto franjado da Austrália corre levantando a parte dianteira de seu corpo e movimentando-se com as pernas traseiras.


Sem veneno, mas corajosos

O australiano Chlamydosaurus kingii faz tudo para assustar seus predadores. Todo empinado, ele abre um 'leque' ao redor do pescoço e assobia o mais alto que pode
Os lagartos não possuem veneno. As únicas exceções são o Gila monster, encontrado no Sudoeste dos Estados Unidos e no Norte do México, e seu parente próximo, o lagarto-de-contas, que vive no México. Por isso esses animais desenvolveram outras maneiras de se defender.

O dragão de Komodo não tem veneno, mas sua saliva tem mais de 50 espécies diferentes de bactérias. Sua mordida causa uma infecção que geralmente ocasiona a morte da presa, e é aí que este enorme lagarto utiliza seu olfato para achar a presa e se alimentar de sua carniça. Alguns preferem os métodos tradicionais: morder e bater com a cauda. Outros empregam métodos mais 'sutis'.

A cobra-de-vidro – que apesar do nome é um lagarto – não pensa duas vezes antes de desprender a cauda do corpo em caso de ataque e fugir para um lugar seguro. Algum tempo depois, a cauda se regenera. Já o australiano Chlamydosaurus kingii, quando se sente ameaçado empina-se sobre as pernas traseiras e abre um grande 'leque' em volta do pescoço. Escancara a boca o mais que pode e assobia, tentando parecer mais feroz do que realmente é.

Um dos lagartos mais famosos, o camaleão é capaz de mudar de cor de um momento para o outro só para se esconder de seus inimigos


Algumas curiosidades

  • O mais pesado lagarto conhecido é o dragão de Komodo, que vive na pequena ilha de Komodo, na Indonésia. O bichão pode pesar 80 quilos, medindo até 3 metros de comprimento.
  • Já o menor lagarto do mundo é o Sphaerodactylus ariasae, que tem apenas 1,6 centímetro. 
  • Muitos lagartos costumam desprender a cauda em caso de perigo. Até mesmo aquela inofensiva lagartixa que de vez em quando aparece em casa. E, na maior parte dos casos, a cauda se regenera pouco depois. 
  • Os lagartos necessitam de muito menos comida do que os animais de sangue quente do mesmo tamanho. Quer um exemplo? Um pássaro come em um dia a mesma quantidade de insetos que um lagarto do mesmo peso come em cinco semanas.


Anterior Início Próxima