Busca  
  Ciências Naturais   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Fábricas de energia

As folhas contêm um pigmento chamado clorofila, responsável pela fotossíntese
Todo ser vivo precisa de energia para continuar existindo. É por isso que nos alimentamos. O alimento fornece o 'combustível' necessário para nosso corpo realizar a respiração celular, que fornece a energia para viver. Com as plantas acontece o mesmo: elas precisam de energia para crescer e continuar vivas, e esta energia também é obtida a partir da respiração. Só que, ao contrário dos animais, as plantas são capazes de produzir seu próprio combustível (glicose - alimento) para realizar este processo. Isso é feito pela fotossíntese. Nela, as plantas absorvem uma parte da luz do Sol, que é captada pela clorofila, pigmento verde existente principalmente nas folhas. Mesmo as plantas que possuem outras cores, como vermelho ou amarelo, também possuem clorofila. Essa energia luminosa é usada para transformar o gás carbônico presente no ar e a água absorvida pelas raízes em glicose, um tipo de açúcar usado como fonte de energia para os seres vivos.

Você sabia?
A capacidade de armazenar energia das plantas é incrível. Se compararmos com uma usina hidrelétrica como a de Barra Bonita (no rio Tietê), por exemplo, verificamos que a energia produzida diariamente por ela (140 MW) seria armazenada por 1 km² de floresta absorvendo energia do Sol por duas horas e meia.


Anterior Início Próxima