Busca  
  Animais vertebrados   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Reprodução e metamorfose

Clique aqui para ver o ciclo vital dos anuros
Os anfíbios têm reprodução sexuada, realizada no ambiente aquático: o macho se posiciona sobre a fêmea e a induz a desovar. Após isso, o macho solta os espermatozoides sobre os ovos, de modo que estes se fecundam na água, na maioria das vezes.


Salvo algumas exceções, os anfíbios possuem fase larval. Nestes indivíduos, depois de nascerem, as larvas vão experimentar profundas mudanças até converterem-se em indivíduos adultos.


Metamorfose é o conjunto de mudanças que sofrem as larvas até converterem-se em indivíduos adultos. No caso dos anuros, as larvas são chamadas de girinos.

Quando saem do ovo, os girinos têm somente cabeça e cauda, e possuem respiração branquial. Em poucas semanas, desenvolvem as patas posteriores e, pouco depois, as anteriores.

Finalmente, a cauda e as brânquias desaparecem e o girino se torna um adulto. Nesse processo, também se modificam a boca, o aparelho circulatório e a pele.


Anterior Início