Busca  
  Célula e tecido   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Os ácidos nucleicos

Os ácidos nucleicos são moléculas com duas funções essenciais: armazenar e transmitir a informação genética que caracteriza cada indivíduo e dirigir a atividade celular. São formados por cadeias de unidades chamadas nucleotídeos. Existem quatro tipos de nucleotídeos que, de acordo com sua sequência, determinam as diferentes mensagens genéticas que a célula utilizará, conforme suas necessidades.

Existem dois tipos de ácidos nucleicos: o ácido desoxirribonucleico (DNA) e o ácido ribonucleico (RNA).

 
Clique na figura e veja a estrutura do DNA
O ácido desoxirribonucleico ou DNA

O ácido desoxirribonucleico ou DNA encontra-se no núcleo da célula. É formado por duas cadeias de nucleotídeos que se enrolam em volta do mesmo eixo, dando lugar a uma estrutura em forma de hélice dupla. É a molécula encarregada de armazenar a informação genética de cada ser vivo e de comandar, sem sair do núcleo, a síntese de proteínas que acontece no citoplasma da célula.

A mitose (divisão celular) garante que a informação genética das células-filhas seja a mesma, já que o DNA se duplicou. A célula encontra-se na telófase (última fase da mitose).



O ácido ribonucleico ou RNA

O ácido ribonucleico é uma molécula bastante parecida com o DNA, mas de tamanho menor e formada somente por uma cadeia de nucleotídeos. Dentre os vários tipos de RNA, é interessante destacar o RNA mensageiro, que tem a capacidade de copiar a mensagem genética do DNA e de levá-la ao citoplasma, no local de síntese de proteínas (ribossomos livres ou aderidos ao retículo endoplasmático granular).

Anterior Início Próxima