Busca  
  Genética e evolução   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

O diagnóstico pré-natal

Algumas doenças hereditárias podem ser detectadas durante os primeiros meses de gravidez, por meio do exame pré-natal. Trata-se de uma bateria de testes para avaliar a saúde da mãe e o desenvolvimento do feto.

Para lembrar:
As mutações gênicas resultam de erros no DNA e atingem um ou poucos genes, ao passo que as mutações cromossômicas alteram o número ou a estrutura dos cromossomos. As mutações podem ser espontâneas ou induzidas e podem ocorrer tanto nas células somáticas como nas células germinativas.

Clique na figura e veja uma árvore genealógica

Saiba mais sobre a hemofilia, uma importante doença genética.



Durante a gravidez, é normal fazer várias ultrassonografias para acompanhar o crescimento do feto. São avaliados os perímetros craniano e abdominal e o comprimento do fêmur. Além disso, a partir do terceiro mês de gestação é possível identificar o sexo do bebê
A ecografia

A ecografia, ou ultrassonografia, baseia-se na emissão de ondas ultrassônicas (ondas sonoras de alta frequência que o ouvido humano não consegue perceber) através da pele.

Essa técnica registra a imagem do feto em uma tela, diferenciando os elementos sólidos e líquidos. Desse modo, pode ser determinada a posição do feto e detalhes de sua anatomia, vendo-se as malformações cerebrais, cardíacas, renais e ósseas. É uma das técnicas mais utilizadas no diagnóstico pré-natal, por ser de baixo custo e não prejudicar o feto. 

 


Anterior Início