Busca  
  Genética e evolução   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

O debate esquenta

Enquanto os 'clonados' se restringiam a vegetais e anfíbios, ninguém parou para discutir o assunto. Mas quando as possibilidades foram ampliadas para a clonagem de mamíferos – ovelhas, vacas e até mesmo pessoas –, o debate começou a esquentar.

Vantagens econômicas
A técnica da clonagem permite a reprodução de animais com características que sejam economicamente interessantes

A ideia de clonar animais é bem aceita, uma vez que pode trazer grandes vantagens econômicas. No ramo da agropecuária, o interessante é clonar animais com características diferenciadas – que sejam bons reprodutores, por exemplo –, garantindo rebanhos melhores. Também sob esse aspecto a clonagem a partir de células de um animal adulto apresenta vantagens. "Se a clonagem de animais visa à reprodução de características interessantes, precisamos conhecer o animal antes de querer cloná-lo, certo? Assim, não adianta clonar a partir de células de um embrião, que ninguém sabe se será um grande produtor de leite de ou carne. Comercialmente é mais interessante poder clonar a partir de células de um indivíduo adulto", diz a geneticista Lygia da Veiga Pereira, da Universidade de São Paulo.

Doações compatíveis

No caso da clonagem humana, as questões levantadas são outras. Existe certo consenso entre os cientistas quando se trata da clonagem terapêutica – afinal, é difícil ser contra a ideia de salvar vidas, certo? Errado. Existem argumentos teológicos muito fortes contra a ideia de fazer experimentos com embriões humanos, clonados ou não. A posição da Igreja Católica condena qualquer tipo de utilização, a produção e a destruição de embriões humanos com o simples objetivo de experimentar e obter células matrizes embrionárias. A Igreja Ortodoxa também condena experimentos com embriões, mas o judaísmo não. Para os judeus, um óvulo fertilizado in vitro não tem 'humanidade' enquanto não é implantado em um útero. Veja os argumentos favoráveis e contrários à clonagem de células humanas.

Argumentos a favorArgumentos contra
Desenvolvimento de tecnologias que permitiriam a cura e o tratamento de várias doenças, como o câncer, o mal de Alzheimer etc. O índice de experimentos errados ainda é muito grande e existe a chance, no caso de a clonagem reprodutiva humana, de a criança clonada nascer com más-formações ou com outros problemas genéticos.
Possibilidade de pessoas inférteis terem filhos com suas características genéticas. Mesmo no caso de crianças aparentemente normais, como garantir que elas não apresentem mutações genéticas que só serão percebidas daqui a várias gerações?
Possibilidade de criação de um 'banco de órgãos' a partir de células clonadas, eliminando o problema das filas de transplante e da incompatibilidade de doadores. Além dos argumentos científicos, pesam, entre outros, os de origem antropológica, religiosa e ética, como a questão da exclusão da paternidade e da maternidade, a imposição prévia da imagem e semelhança do doador, a transformação da criança em objeto e produto da fantasia de alguém, em vez de um ser humano único etc.







Anterior Início Próxima