Busca  
  Vegetais   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  

Como são os musgos

Os caules com as cápsulas constituem os esporófitos do musgo
O corpo dos musgos tem pequenas raízes ou rizoides, que servem para manter a planta fixa ao substrato e para absorver a água e os sais do solo. Apresenta também um eixo com alguma ramificação, o caulículo, e folhinhas chamadas filoides. Essas estruturas são formadas por uma ou mais camadas de células.

Os musgos são considerados vegetais mais complexos do que as algas, porém muito mais simples do que o restante dos vegetais (plantas vasculares ou plantas superiores).



O pequeno tamanho dos musgos

Os musgos possuem corpo simples, constituído por células iguais, sem tecidos especializados formando vasos para a absorção e transporte da água e das substâncias nutritivas para a planta toda. Por isso, o líquido é absorvido pelas células dos rizoides, passando de uma para outra, junto com os nutrientes por meio da difusão simples. Esse transporte é lento e imperfeito, pois só permite atingir um número reduzido de células, razão pela qual os musgos são tão pequenos.

Para lembrar:
Apesar do pequeno tamanho, os musgos deram o grande passo evolutivo no mundo vegetal ao saírem da água para colonizar os continentes. Os musgos surgiram há mais de 350 milhões de anos, no Paleozoico Inferior, e pertencem ao grupo taxonômico das briófitas.



Anterior Início Próxima