O que foi o Golpe da Maioridade?
O Golpe da Maioridade (1840) foi o desfecho de uma campanha desenvolvida pelos liberais na Câmara, com o objetivo de garantir as conquistas obtidas, durante a Regência, e de conter o avanço das ideias “regressistas”, corrente conservadora que desejava retornar à centralização política do Primeiro Reinado. Os liberais buscavam antecipar a maioridade de D. Pedro II, possibilitando sua ascensão ao trono com base na interpretação de um artigo do Ato Adicional de 1834. O movimento, iniciado na Câmara, logo alcançou as ruas. No dia 22 de julho, uma comissão formada por membros da Câmara e do Senado decidiu consultar o imperador, que aceitou assumir o trono.