Busca  
  Química   
Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias.  


Decantação

Trata-se da separação de dois líquidos ou de um líquido e um sólido aproveitando-se de sua diferença de densidade. Para separar um líquido de um sólido de maior densidade, deixa-se a mistura repousar durante um certo tempo para que o sólido se deposite no fundo do recipiente. Se as partículas sólidas forem muito pequenas, a decantação pode durar vários dias. Quando estiver completa, inclina-se o recipiente com cuidado para verter o líquido sem que o sólido o acompanhe.
 
Durante a decantação, algumas partículas sólidas podem ser arrastadas pela corrente líquida. Portanto, depois será preciso aplicar um outro método para completar a separação.

Extração

Para separar um dos componentes de uma solução líquida, é possível recorrer a um solvente mais apropriado que não se misture com uma das substâncias misturadas. O iodo, por exemplo,se dissolve em álcool (tintura de iodo), mas a dissolução é melhor em benzeno. O álcool e o benzeno, porém, são líquidos que não se misturam. Quando estão juntos num recipiente, o álcool, menos denso, fica na parte superior, e o benzeno, na inferior. Agitando-se tintura de iodo e benzeno num funil de decantação, o iodo, que estava dissolvido no álcool, passa para o benzeno. Depois de repousar, a solução de benzeno e iodo fica na parte inferior do recipiente e pode ser separada do álcool usando-se uma torneira.

Centrifugação


Numa mistura de sólidos e líquidos, se os sólidos forem muito pequenos, a filtragem e a decantação não serão suficientes para separar as substâncias. Partículas sólidas diminutas obstruem os poros do filtro, tornando o processo muito lento, mesmo que se tente acelerá-lo usando uma bomba para produzir vácuo dentro do recipiente. Partículas muito pequenas tornam a decantação ineficaz porque são retidas pelo líquido, prolongando muito o tempo de deposição. Nesse caso, a centrifugação é a melhor alternativa. A mistura é colocada em tubos de ensaio que, dentro de uma centrífuga, giram em posição quase horizontal em grande velocidade. O procedimento aumenta a rapidez da deposição do sólido no fundo do tubo. Para completar a separação, basta verter o líquido.
 
Centrífugação manual

Existem centrífugas industriais de grande valor e eficácia que giram a mais de 20.000 rotações por minuto. Nos laboratórios, porém, ainda se usam centrífugas pequenas, de baixo preço e fácil manejo, que servem para trabalhos simples, que não precisam de altas velocidades ou de muitos minutos de centrifugação. 


Anterior Início Próxima