Busca  
  Política   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

A ditadura militar pós-1964

Fachada do Palácio do Catete, no Rio de Janeiro: sede do governo da República até 1960.
O impasse entre centralização e descentralização administrativa teve um capítulo decisivo em 1964, com o golpe militar que derrubou o presidente João Goulart do poder. Além de recorrer à censura, às prisões arbitrárias e à tortura, a administração pública também se tornou mais autoritária.

Tecnocracia e centralismo

Os interesses econômicos de latifundiários, industriais e banqueiros continuaram a prevalecer durante os governos militares. Mas também havia a participação dos tecnocratas, ou seja, economistas, administradores ou técnicos, que deixaram de ser simples assessores para tomar as rédeas do poder.

Políticos, sindicatos, velhas aristocracias rurais e empresários urbanos estavam ausentes do poder direto. Militares e tecnocratas administravam o país e, mesmo depois de encerrado o regime militar, em 1985, continuaram a ter cargos de comando.


Redemocratização e novo rumo administrativo

Protesto contra a política de privatização do governo federal, em 1997, em frente à sede do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no Rio de Janeiro.
A pressão da sociedade obrigou o regime ditatorial a se abrir paulatinamente por meio da anistia e da abertura 'lenta, segura e gradual', capitaneadas pelos presidentes Ernesto Geisel (1974 a 1979) e João Baptista Figueiredo (1979 a 1985). Com a derrota da emenda que reinstituiria as eleições diretas em 1984, Tancredo Neves foi eleito pelo Congresso Nacional, mas morreu antes de assumir. Tomou posse o vice, José Sarney (1985 a 1990).

A Nova República

O governo José Sarney, que inaugurou a chamada 'Nova República', foi marcado pela inflação e pela crise econômica. Desembocou, em 1989, na primeira eleição direta pós-golpe militar. O presidente eleito, Fernando Collor de Mello, não terminou seu mandato. Renunciou em dezembro de 1992, após uma série de denúncias de corrupção. Mesmo assim, sofreu um processo de impeachment, ou seja, foi impedido de continuar no cargo.


Anterior Início Próxima