Busca  
  Sociedade   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

Indicadores sociais e econômicos

Alguns dados que retratam a situação real do trabalho, da renda e do emprego Brasil.

População brasileira - abril 2002
174 milhões de habitantes 78,4% vivem em centros urbanos.
dados IBGE
PIB brasileiro - 2001
R$ 1.184.768.830.000,00 ou US$ 505.345 000 000 Dados do Banco Central
PIB per capita
R$ 6.872,77 ou US$ 2.900,00 dólares Dados do Banco Central
Salário mínimo - maio 2002
R$ 200,00
54 milhões de brasileiros têm renda familiar entre 0 e R$ 400,00 por mês 110 milhões têm renda familiar até R$ 1.000,00
Taxa de atividade Pessoas entre 15 e 65 anos que trabalham
Total 74,5% Homens 85,5% Mulheres 58,2%
População ocupada
71,6 milhões
Posição de ocupação
Empregados 44,8 Militares ou funcionários 6,6 Trabalhadores domésticos 7,4
Por conta própria 23,2 Empregadores 4,1 Sem remuneração 9,3
Ocupação por ramos de atividade 
Agricultura 24,2 Indústria 19,3 Comércio 13,4 Serviços 41,2
Pessoas ocupadas com 10 anos ou mais por anos de estudo
Até 3 24,2 4 a 7 19,3 7 a 10 13,4 11 ou mais 41,2





 
 Distribuição da renda nacional
50% mais pobres 14% da renda 1% mais rico 13% da renda

 
 
 
 
 
 

O que é o PIB

O PIB (Produto Interno Bruto) é o principal indicador das atividades econômicas de um país. Ele representa a soma do valor de todos os bens e serviços produzidos no território nacional em um período. Para que o PIB dê uma ideia mais clara da riqueza do país, é preciso relacioná-lo com a população, chegando ao PIB per capita.
O crescimento econômico costuma ser medido pela variação do PIB. Se, de um ano para outro, houve um crescimento do PIB de 3%, isso significa que o país produziu 3% a mais do que no ano anterior. Se a população também cresceu 3% não chegou a haver um aumento real de riqueza.


Anterior Início