Busca  
  Antiguidade   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

A concretização de um sonho

O primeiro enfrentamento dos exércitos da Macedônia e da Pérsia aconteceu no Rio Granico. A vitória foi de Alexandre. Aos poucos, a Macedônia foi conquistando mais regiões, consumando a derrota dos persas em 333 a.C, na Batalha de Isso. Com isso, Alexandre conseguiu conquistar a Síria e entrar no território egípcio, realizando seu desejo e consagrando um império de grandes conquistas territoriais.

A invasão dos povos conquistados era sangrenta, mas algo de novo aconteceu quando Alexandre chegou ao Egito. Devido a grande paixão que possuía pela cultura egípcia ou helênica, que lhe fora passada pelo mestre Aristóteles, o próprio Alexandre, ao tomar contato com a cultura conhecida até então por teorias, passou por um processo pessoal de orientalização. A partir de então, ficou estabelecida uma política de respeito e manutenção dos mitos, crenças, religiões, modo de viver e do conhecimento já adquirido nos reinos que eram invadidos. Diferentemente de outros imperadores, o rei da Macedônia ficou conhecido por praticar uma política de preservação a cultura do outro. No Egito, até mesmo os antigos cultos aos deuses egípcios foram mantidos.

A comunhão com a nova cultura foi tão grande que Alexandre casou-se com Roxana, filha do sátrapa da Bactriana, com quem teve um filho de nome Alexandre IV. A tendência à fusão das culturas gerou receios entre seus oficiais, pois estes temiam que seu monarca esquecesse dos interesses políticos do Império.


Anterior Início Próxima