Busca  
  Idade Média   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

População Feudal

Os camponeses

Miniatura: servos fazendo a colheita.
Havia camponeses livres, que trabalhavam nas suas próprias terras e também nas dos nobres e também camponeses semilivres (servos), que trabalhavam apenas nas terras dos nobres. O camponês e sua família se alimentavam do que colhiam. Muitos possuíam bois para arar a terra e animais de granja. Se tinham uma colheita fraca podiam perder suas terras, pois para poder alimentar-se, às vezes, precisavam vendê-las, passando a ser servos. Um camponês, porém, nunca podia chegar a ser nobre.

Juramento de vassalagem perante o conde-rei Jaime II. Livro dos Privilégios de Barcelona, século XIV (Museu del Arcediano, Barcelona, Espanha).
Os senhores


Eram nobres ou fidalgos. Gozavam de riquezas e luxos. Sua principal ocupação era a guerra. Lutavam nas batalhas dos seus suseranos ou do rei. Os nobres que combatiam a cavalo se chamavam cavaleiros. Quando o estribo foi introduzido, no século VIII, foram organizados exércitos de cavaleiros, com suas pesadas armaduras. Nos intervalos entre as guerras, dedicavam-se à caça e aos torneios.

Juramento de vassalagem perante o conde-rei Jaime II. Livro dos Privilégios de Barcelona, século XIV (Museu del Arcediano, Barcelona, Espanha).
A vassalagem

Era uma relação de poder. Pela vassalagem, dois nobres estabeleciam uma relação pessoal e direta, que implicava obrigações e direitos recíprocos. A cerimônia que formalizava a relação possuía três atos: a homenagem, o juramento de fidelidade e a investidura. O vassalo era o nobre que se submetia a outro por meio do juramento de fidelidade, prestando-lhe ajuda militar e financeira; o suserano era o nobre que concedia o feudo.

Os monges

Viviam em comunidade nos mosteiros, dirigidos por um abade. Ocupavam-se em rezar, cultivar a terra, estudar, escrever e copiar livros, dar alimento aos pobres e guarida aos viajantes, tratar dos doentes e cuidar de suas adegas e despensas. Dedicavam sua vida a Deus e por isso viviam afastados das aldeias e cidades. Orar e trabalhar eram as normas essenciais da vida monástica.



Anterior Início Próxima