Busca  
  Idade Média   
Ciências Humanas e suas Tecnologias.  

Carlos Magno

Nasceu no ano 742 e morreu em 814, na cidade de Aquisgrán (atual Alemanha). Seu biógrafo, o monge Eginhardo, o descreve como um homem robusto e corpulento, com mais de 1,80 m de estatura, cabeça grande, pescoço grosso e olhos penetrantes. No ano 768, foi nomeado rei dos francos. Conquistou o norte da Itália (Lombardia). Foi o primeiro a governar toda a Alemanha, já que se apoderou também da Saxônia e da Baviera. Atravessou os Pirineus até o rio Ebro, na atual Espanha. No dia de Natal do ano 800, foi nomeado imperador do Ocidente pelo papa Leão III.

O Império Carolíngio

O Império Carolíngio. Clique na imagem para ampliar.
Com as conquistas de Carlos Magno, formou-se um grande império, que abrangia boa parte da Europa ocidental e central. Estendia-se desde o Atlântico até os rios Danúbio e Elba, e desde o norte da Itália e o rio Llobregat ao sul da atual Barcelona, até o Mar do Norte. O império era dividido em reinos, regidos pelos príncipes da família de Carlos Magno; ducados e condados, governados por duques e condes. As regiões fronteiriças se chamavam "marcas", como por exemplo a Marca Hispânica, que ocupava a metade do território da atual Catalunha e protegia o Império Carolíngio contra os árabes, que haviam se instalado na Península Ibérica.

O avanço cultural

Carlos Magno deu grande proteção à cultura e criou uma escola em seu palácio de Aquisgrán. Ensinava-se gramática, retórica e dialética (o Trivium) e, nos estudos superiores, aritmética, geometria, astronomia e música (o Quadrivium), ou seja, as disciplinas herdadas dos gregos, romanos e árabes. O ponto alto do ensino era o estudo da teologia, a ciência da divindade.

Para lembrar:

Após ser proclamado imperador, Carlos Magno tornou-se amo e senhor do ocidente europeu, protetor do papado e da Igreja. Sua ideia era restabelecer o Império Romano do Ocidente, ou seja, a unidade da Europa ocidental. Entretanto, suas aspirações não tiveram continuidade e o império se desagregou após sua morte, com disputas pelo poder e novas invasões.

Poder e sociedade

Para administrar e dirigir o Império, Carlos Magno dividiu-o quase todo em condados, governados por condes. Para controlar a atuação dos condes, foram criados os missi dominici (enviados do imperador), formados por condes e bispos. Sua missão era supervisionar o governo dos condados, tanto no aspecto administrativo, como no religioso. O imperador exigia o juramento de fidelidade dos nobres, que se tornaram seus vassalos.

A capela de Aquisgrán é uma mostra da arte carolíngia.
A arte carolíngia


Durante os séculos VIII e IX, desenvolveu-se uma arquitetura de palácios e igrejas. Nascida do projeto político de Carlos Magno, baseava-se na unificação imperial e no desejo de tentar restabelecer o mundo romano. Por esse motivo, a arte carolíngia teve inspiração clássica e bizantina. As igrejas tinham forma de cruz; depois incorporaram torres como elementos enriquecedores. Surgiram as miniaturas nos livros (ou iluminuras). Elaboravam-se também relicários, obras de marfim em alto-relevo e pinturas murais.


Anterior Início