Busca  
  Geografia   
Ciências Humanas e suas Tecnologias  

 
De onde veio Sedna? Veja sua órbita
Nos confins do Sistema Solar, Sedna faz sua volta ao redor do Sol numa região intermediária entre dois estranhos aglomerados de corpos celestes existentes nas bordas do Sistema Solar, o Cinturão de Kuiper e a Nuvem de Ort.

O Cinturão de Kuiper é um anel formado por corpos celestes gelados, de tamanhos variados, localizado depois da região da órbita de Plutão. Os astrônomos já mapearam vários corpos celestes pertencentes ao tal Cinturão, como os asteróides Quaoar e Varuna, um pouco menores do que Sedna, e acreditam que ainda vão descobrir outros.

A Nuvem de Ort seria outro aglomerado de corpos celestes ainda mais distante. Muitos astrônomos acreditam que os cometas são alguns desses corpos que se descolam da Nuvem de Ort e mergulham no Sistema Solar, atraídos pela gravidade do Sol.

Os astrônomos especulam que Sedna pode ser originário da Nuvem de Ort e que tenha se deslocado para uma posição intermediária, entre a Nuvem e o Cinturão de Kuiper.  

Órbita de Sedna
A animação mostra a órbita do Sedna, em relação ao resto do Sistema Solar. No início aparece o Sol ao centro e as órbitas de Mercúrio, Vênus, Terra e Marte, os planetas terráqueos, em amarelo. Depois vêm as órbitas dos planetas jovianos, em verde. No final da animação aparece a órbita de Sedna em vermelho.
Credito: NASA/JPL-Caltech/R. Hurt (SSC-Caltech)

Anterior Início Próxima