Busca  
  Geografia   
Ciências Humanas e suas Tecnologias  

 

Litoral sudeste

Acompanhando a linha da costa, a Serra do Mar cria cenários únicos no País.

Dezenas de pequenas praias
De Vitória, no Espírito Santo, até o norte do Rio de Janeiro, a costa é de mar aberto, e o litoral é
acompanhado por lagoas, alagados e lagunas. Uma das mais famosas lagoas do Rio de Janeiro é a de Saquarema, cuja praia é famosa pelos praticantes de surfe.

Mas a principal característica do litoral da região Sudeste é a presença, a partir do Rio de Janeiro, em direção ao sul, da muralha da Serra do Mar. Guardando os últimos remanescentes da Mata Atlântica, as escarpas da Serra ora se afastam, ora se aproximam do mar. Quando chega quase na beira da praia, a Serra do Mar cria belas reentrâncias, pequenas baías e ilhotas ao longo da costa. Exemplos desses belos recantos estão no litoral norte de São Paulo e na baía de Angra dos Reis.

A existência da Serra provoca ainda duas conseqüências. A primeira é um clima instável – as chuvas são constantes porque os ventos quentes e úmidos vindos do mar esbarram na montanha e se precipitam. A segunda é manter praticamente intocados alguns refúgios, que se tornaram áreas protegidas, como o Parque Nacional de Superagüi (entre Paraná e São Paulo) e a Reserva Ecológica da Juréia, em São Paulo.

 

As lagoas, como a de Araruama, são típicas do norte do Rio de Janeiro.
Em Angra dos Reis, a montanha chega até a praia: é a Serra do Mar, coberta pela Mata Atlântica.
Pequenas baías e praias escondidas são formadas pelas reentrâncias da Serra do Mar.
 
 


 


Anterior Início Próxima