Busca  
  Geografia   
Ciências Humanas e suas Tecnologias  

Clique na imagem para ampliar
Ilhas espalhadas
A Austrália ocupa a maior parte do continente (86% da área total), com mais de 7 milhões de km². A Nova Zelândia é um arquipélago, com duas ilhas mais importantes: a do Norte e a do Sul, separadas pelo estreito de Cook. A Melanésia, a nordeste da Austrália, é o grupo de ilhas mais próximo desse país. A Micronésia é formada por pequenas ilhas, localizadas ao norte e a nordeste da Melanésia. Na Polinésia, as ilhas estão espalhadas pela área central do oceano Pacífico.

A costa nordeste da Austrália apresenta, ao longo de mais de 2 mil km, a maior barreira de recifes de corais do mundo
Paisagens naturais
Apesar de sua enorme extensão, a Austrália tem uma paisagem monótona. No sul encontra-se uma grande extensão semidesértica hostil ao assentamento humano, onde prolifera o scrub e há espécies animais endêmicas como o canguru e o coala. O oeste também é desértico e está praticamente desabitado: há somente uma faixa costeira de clima mediterrâneo próxima à cidade de Perth.
Para lembrar:
A maior riqueza paisagística está na Grande Barreira de Recifes, no nordeste da Austrália, com 660 ilhas e atóis que formam o maior recife de corais do mundo. Nele proliferam corais vermelhos e amarelos, estrelas-do-mar, ouriços e uma grande diversidade de peixes.
Paisagem vulcânica
Já as paisagens da Micronésia e da Polinésia são vulcânicas, pois são cortadas pelo Cinturão de Fogo, uma zona de intensa atividade vulcânica e sísmica. A paisagem alpina é típica das ilhas da Nova Zelândia.

Relevo e hidrografia
A hidrografia australiana apresenta muitos rios temporários, por causa da aridez do clima. O relevo australiano pode ser dividido em três partes:
Cadeias montanhosas no leste (cordilheira Australiana ou Grande Cadeia Divisória), com o ponto mais alto do país, o Monte Kociusko (2.391 m).
Planalto Ocidental: terrenos cristalinos de baixas altitudes (600 m).
Planícies e depressões centrais, compostas ao norte pela Grande Bacia Artesiana, onde está o lago Eyre, e atravessadas pelos rios Murray e Darling, os mais importantes da Austrália.

Relevo das ilhas
A Nova Zelândia possui um relevo mais baixo na Ilha do Norte (monte Egmont, com 2.518 m, e vulcão Ruapehu, com 2.796 m). Na Ilha do Sul, os Alpes Neozelandeses destacam-se com altitudes superiores a 3 mil metros, incluindo o ponto mais alto do país, o monte Cook (3.784 m). As pequenas ilhas da Oceania são formadas por acumulação de corais ou têm origem vulcânica, fazendo parte do Círculo de Fogo do Pacífico.

Clique na imagem para ampliar
Clima e vegetação
O clima da Austrália é quente e seco em 60% do país, com pluviosidade abaixo de 500 mm anuais. Os seus maiores desertos são o Grande Deserto de Areia, o Gibson e o Grande Deserto de Vitória. 

Climas quentes
Os outros tipos de clima do país são: tropical (norte), mediterrâneo (sul) e subtropical (leste). Nas áreas mais úmidas aparecem florestas tropicais e subtropicais e, nas mais secas, a vegetação de estepes (scrub) e savanas (bush).

Clique na imagem para ampliar


Clima ameno
Na Nova Zelândia, o clima influenciado pelo relevo apresenta temperaturas mais baixas e chuvas bem distribuídas. A vegetação predominante é a floresta de coníferas, já bem devastada.

Clique na imagem para ampliar
Climas nas ilhas
Nas ilhas da Micronésia e da Melanésia vigora um clima equatorial, sem grandes variações de temperatura durante o ano. Na Polinésia, o clima é tropical, variando segundo a latitude.

Clique na imagem para ampliar

Anterior Início Próxima