Busca  
  Geografia   
Ciências Humanas e suas Tecnologias  


Quem são os inuit
Se um dia você tiver a coragem de viajar para um lugar onde a temperatura mínima já chegou a – 92ºC, não se atreva a chamar os moradores locais de esquimós – comedores de carne crua. Eles vão ficar extremamente indignados. Para os habitantes das congeladas regiões árticas e subárticas, o jeito correto de se referir a eles é inuit, que em sua língua (o inuktitut) significa "o povo" ou "a gente". Quando se fala de apenas um descendente de inuit, usa-se a palavra inuk. Se são dois, diz-se inuuk. A partir de três indivíduos é que se começa a utilizar a expressão inuit.
Os inuit podem ser encontrados no Canadá, Groenlândia, Alasca e Sibéria. Atualmente, são cerca de 152 mil indivíduos. Seus traços físicos são parecidos com os da raça mongol (nariz fino, olhos puxados, pele amarelada) e acredita-se que eles tenham sido os primeiros a chegar à região do Alasca, há 4.000 anos.
Com a chegada dos brancos ao Ártico, estes deram-lhes o nome de esquimós, palavra emprestada do cree, tribo de índios do sul do Canadá,
e considerada pejorativa por eles. Isso para os que habitam os territórios do norte do Canadá e a Groenlândia, onde está a maior parte dos inuit.
No Alasca, eles não se importam de ser
chamados de esquimós.
Os inuit possuem traços físicos que lembram os mongóis.

Anterior Início Próxima